Entrar    Registrar

embedded pc

Software e Hardware para linha x86

Moderadores: andre_teprom, 51

  • Autor
    Mensagem

embedded pc

Mensagempor mastk » 28 Mai 2007 17:25

Estou eu com 386DX40, 4MB de RAM, Video VGA sem controladora e olho pra esse cara e penso, **** meu até que uma maquina forte vendo do ponto de vista de sistemas embarcados, mas ai vem as duvidas, como fazer pra um projeto nesse (ou num PC104, sei la) ser impativel, com um PC normal?

Na FIEE vi uma plaquinha linda uns 10x5 que o apresentador me disse que era um sistema 386 completo e saia na casa dos 100 (U$ ou R$ ??? não lembro), mas em tudo o caso, fica interesante creio eu, o uso desse sistemas pra muita coisa.

Vcs acham que emmbedded pc, são msm viaveis aqui no brasil?
Sim, mesmo se alguém conquistar apenas uma alma, uma única alma em todo o mundo. Mas aquele que não foi capaz disso, que fique chorando sozinho!

http://mastk.wordpress.com/

http://www.youtube.com/user/Mastk2008
Avatar do usuário
mastk
Dword
 
Mensagens: 4336
Registrado em: 14 Out 2006 20:43

Mensagempor msamsoniuk » 31 Mai 2007 20:05

eh bem complicado, por uma serie de motivos:

- limitacoes mecanicas: algumas aplicacoes requerem um tamanho de PCB muito menor do que eh possivel conseguir com uma MB de PC. alem disso, dispositivos de apoio necessarios para o funcionamento da maquina, como placas ISA e PCI, aumentam mais ainda o espaco fisico consumido e tem fixacao fragil, soltando-se facilmente. uma placa projetada especificamente para aplicacoes embarcadas vai ter um formato mais compacto sem precisar de circuitos extras de apoio. se precisar, normalmente as placas de expansao sao mezaninos, formando sanduiches compactos de placas.

- limitacao de consumo: o PC e as placas de apoio consomem *muita* energia. uma placa projetada especificamente pode ser projetada para consumir muito menos energia, um exemplo simples eh o uso de memoria flash ao inves de unidades de disco convencionais (HD, CDROM ou floppy). o PC tambem esquenta muito mais e depende de uma melhor dissipacao de calor, o que pode ser um fator a afetar a confiabilidade.

- limitacoes de performance: as 386 estao na base do ranking bogoMIPS do linux, fornecendo uma performance de apenas 1.04 a 8 bogoMIPS, o que eh bastante pouco (um HC908 de 8 bits faz 8 MIPS). as maquinas maiores (486 e pentium) cobrem faixas de 10 a 80 bogoMIPS e costumam ser usadas em aplicacoes leves, como roteadores, mas hoje em dia as aplicacoes estao pressionando esse tipo de maquina para a aposentadoria: um P200 jah nao consegue rotear trafego de uma ADSL/2 de 10 mbps!

- idade avancada: maquinas antigas dao todo tipo de problema. a bateria explode, dah mal contato em tudo que eh placa, perifericos novos nao funcionam em placas velhas e elas costumam parar sem nenhuma especie de aviso previo. nao eh nem questao do componente ser melhor ou pior, eh apenas a idade: entre um 68000 e um pentium2 existe uma diferenca gritante de performance e tecnologia, mas o 68000 vc compra novo, inclusive com certificacao RoHS, o pentium2 soh tem no ferro-velho hehehe.

claro, se vc comprar uma PC104 vc foge de uma serie de problemas, mas ainda seria de se pensar no que um 386 tem de vantagens em relacao a um microcontrolador single-chip. um HC908GP32, por ex, tem muitos perifericos on-chip que talvez o 386 nao tenha on-board, nao eh um pareo facil nao.
Avatar do usuário
msamsoniuk
Dword
 
Mensagens: 2882
Registrado em: 13 Out 2006 18:04

Mensagempor mastk » 11 Jun 2007 12:30

Afff 8 mips um 386, era um PC104 sim que eu tinha visto...
Sim, mesmo se alguém conquistar apenas uma alma, uma única alma em todo o mundo. Mas aquele que não foi capaz disso, que fique chorando sozinho!

http://mastk.wordpress.com/

http://www.youtube.com/user/Mastk2008
Avatar do usuário
mastk
Dword
 
Mensagens: 4336
Registrado em: 14 Out 2006 20:43

Voltar para Intel x86

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante

cron